quarta-feira, 19 de novembro de 2008

Efeito Borboleta

Quem diria...Eu, uma borboleta


Várias foram as justificativas pra, enfim, me decidir por um tema pra tatuar meu corpo. Um sonho antigo que eu tinha. A primeira, de cara, foi a metamorfose. Tanto externa, beeem visível, quanto interna. Não foram poucas as pessoas que vieram me dizer que eu mudei - pra muito melhor - depois que...que certos episódios aconteceram na minha "vida". A caminho do tatuador, surgiu outro motivo, que tem tudo a ver com o primeiro: a Teoria do Caos, ou "Efeito Borboleta". Aquela que diz que um bater de asas de uma borboleta lá no Afeganistão pode provocar um furacão em Xapuri. Foi o que aconteceu, antes da metamorfose.


Mas nunca, nunca mesmo, vou deixar de me admirar com os fenômenos do inconsciente. Sempre me prendia mais aos desenhos de borboletas do que quaisquer outros. Até que me surgiram os motivos para escolher a mais bonita (a meu ver) e, enfim, acabar com a minha agonia. Eis que um novo velho amigo me trouxe a melhor resposta de todas. Abaixo:


"Coloridas e diurnas, as borboletas prenunciam acontecimentos alegres, ao contrário de suas irmãs mariposas, quase sempre negras e noturnas, que noticiam a infelicidade. No imaginário humano, porém, ambas estão relacionadas à alma. Na cultura greco-romana, assim como na egípcia, acreditava-se que a alma deixava o corpo em forma de borboleta. A palavra psique, em grego, quer dizer ao mesmo tempo espírito e borboleta. Nos afrescos de Pompéia, a psique é representada por uma criança com asas de borboleta.


Para a civilização asteca, ela era o sopro vital que saía pela boca do morto, além de estar associada a uma divindade (Itzpapalotl, cruzamento de uma mulher com uma borboleta). Esse simbolismo está relacionado à sua metamorfose, que, metaforicamente, expressa a saída do túmulo (casulo) para o renascimento. Essa associação de seu ciclo vital – a passagem do mundo dos mortos para o dos vivos-, também é utilizada na cultura oriental. No Japão, borboletas são espíritos viajantes; o seu surgimento anuncia uma visita ou a morte de um parente. Por outro lado, duas borboletas juntas querem dizer felicidade conjugal. No Vietnã, sua presença exprime longa vida, mas, nesse caso, é devido a uma coincidência fonética: duas palavras com pronúncia semelhante significam “borboleta” e 'longevidade'".


É ou não é de arrepiar, Diário? O verdadeiro motivo sempre esteve ali, só faltava lançar luz sobre ele.

3 comentários:

Nattércia Damasceno disse...

Tu tinha quer fazer tua tatuagem com alguém do Miami Ink, aquele reality show de tatoos. Eles sempre contam a história ou o motivo que levou a pessoa a escolher a tatuagem. Ia ficar chique!

Nattércia Damasceno disse...

Tu tinha quer fazer tua tatuagem com alguém do Miami Ink, aquele reality show de tatoos. Eles sempre contam a história ou o motivo que levou a pessoa a escolher a tatuagem. Ia ficar chique!

Golby disse...

Eu já tenho uma bem velhinha...que fez 20 anos este ano. Paquero outra, quem sabe? A simbologia mais presente na minha vida é da ave Fênix ou Phenix ou Phoenix que se transforma a cada nascer de sol. Assim me vejo, assim me sinto. Representa a morte, ou você, para o nascer de um novo ser. Estamos sempre nos metamorfoseando. Beijo grande.